DERIVA DE SENTIDO

Com o intuito de dissipar a lógica da exibição convencional da obra de arte, Deriva de sentidos corporifica uma reflexão sobre o físico e o metafísico, viabilizada por uma radical experiência artística de convergência entre pensamento e gesto. Segunda parte da tetralogia Nômade (Documento Areal), de André Severo, a obra reúne os registros fotográficos e textuais realizados por seu autor durante o período de realização da ação artística Propriocepção.

Informações adicionais