Eu contra o sol

Benício fora traído até pela morte. O que pensar sobre esse duplo fracasso da empreitada? Não estava pronto para viver nem para morrer, então onde ele se situava? Continuava a caminhar, um passo após o outro, vergonha após hesitação. Uma guerra campal em que não havia vencidos ou vencedores. Fitava os corpos no chão, e refletia: os cemitérios não são para organizar os mortos, mas os vivos. As favelas para organizar a cidade para os ricos e não para os pobres.

ALEX TOMÉ é formado em Comunicação Social pela Universidade Federal de São Carlos e atualmente cursa Direito. Nasceu em Orlândia e hoje vive em Guaíra, São Paulo. Roteirizou os curta-metragens A cena perfeita e Recortes, este último ganhador  de um Kikito no Festival de Gramado, em 2006. Eu contra o sol é seu primeiro livro.

Informações adicionais

  • Autor: Alex Tomé
  • Preço: 59,00
  • Categoria: Romance
  • ISBN: 978-85-5532-025-5
  • Nº de páginas: 480